Audiência pública vai discutir qualidade da água da Cagepa na Câmara Municipal






















Atendendo a um requerimento da autoria do vereador Alexandre do Sindicato (PHS) e aprovado em plenário, a Câmara Municipal de Campina Grande vai realizar, no próximo dia 01 de agosto, às 10 horas, uma audiência pública para discutir a qualidade da água do Açude de Boqueirão, que tem sido objeto de fortes queixas da população nas últimas semanas, sobretudo com incontáveis relatos da presença de um cheiro muito forte que ainda não foi eliminado.

De acordo com o parlamentar, a intenção é reunir especialistas na matéria e a gerência da Cagepa para tratar do assunto e buscar esclarecimentos precisos sobre as razões do problema, suas soluções e que tipo de implicações a presença desse odor forte e agradável pode ter sobre a saúde pública. “A população reclamou e continua reclamando, mesmo após a Companhia de Água e Esgotos apresentar uma explicação para o problema e indicar que um ajuste no tratamento deveria resolver”, disse.

À imprensa de Campina Grande, a direção da Cagepa afirmou que o mau cheiro, em síntese, decorre da decomposição da vegetação que nasceu no leito do açude quando o manancial estava à beira do colapso total, perto de secar completamente. Com a chegada das águas da transposição e, principalmente, o aporte trazido pelas chuvas, elevando substancialmente as reservas de Boqueirão, essas plantas se decompõem e, ao entrar em contato com o cloro empregado no tratamento da água, a reação provocaria o odor.

Ainda segundo a Cagepa, a solução passa por um ajuste no tratamento, que já está em curso há alguns dias. “Só que a população continua reclamando e reclamando com razão. Todos aprendemos ainda na infância que a água potável é insípida, inodora e incolor e esse líquido que sai das torneiras nos últimos dias desafia nossos sentidos, muitas vezes com gosto ruim, mau cheiro e cor estranha”, comentou Alexandre.

O vereador ainda lembrou que o poder legislativo municipal tem se debruçado sobre todas as discussões e inquietações que envolvem o abastecimento de Campina Grande, sendo a pauta uma das primeiras bandeiras que o próprio Alexandre do Sindicato levantou na Câmara logo após assumir seu primeiro mandato, em 2013.


Assessoria

Copyright © Vereador Alexandre do Sindicato. Desenvolvido por Holos Comunicação