Alexandre pede ao Procon que intensifique fiscalização sobre preços dos combustíveis em Campina Grande



O vereador Alexandre Pereira, do PHS, pediu ao Procon de Campina Grande que intensifique a fiscalização quanto aos preços praticados pelos postos de combustíveis da cidade, tendo em vista as reclamações recorrentes dos consumidores a respeito de dois aspectos: um suposto alinhamento de preços e a disparidade nos valores cobrados em comparação com municípios vizinhos.

Em requerimento apresentado na Câmara de Vereadores, Alexandre destaca que, apesar de haver uma oscilação permanente no preço dos combustíveis no Brasil, dada a política flutuante estabelecida pela Petrobras, o que se percebe claramente em Campina Grande é que, no geral, as variações ocorrem apenas para cima, raramente com redução dos valores cobrados.

“Quando o preço do combustível aumenta nas refinarias, imediatamente o reajuste chega às bombas. Mas, quando, do contrário, esses valores caem nas refinarias, não existe a mesma reação nos postos. Sempre há uma série de argumentos para manutenção dos preços em alta, o que é evidentemente questionável e profundamente prejudicial ao consumidor”, comentou o parlamentar.

Alexandre também destaca que os campinenses constatam uma diferença de preços em relação a outros municípios do estado que não parece se justificar. “Os donos de postos alegam que a gasolina é mais cara aqui que nas cidades mais próximas ao litoral por causa do frete, mas a gente chega em cidades vizinhas, inclusive municípios ainda mais distantes, e encontra combustível mais barato”, ressaltou.

Para o vereador, é fundamental que o Procon intensifique o trabalho de fiscalização para coibir abusos que prejudicam o consumidor, que não pode ficar a mercê de práticas de mercado indevidas e altamente danosas.


Assessoria

Postar um comentário

Copyright © Vereador Alexandre do Sindicato. Desenvolvido por Holos Comunicação